Publicado em 06 de dez de 2017

Testando: Afterlight 2

E aí galera, tudo bom com vocês?

Hoje eu vim fazer uma espécie de “resenha” e ao mesmo tempo um teste com o Afterlight 2, sucessor do Afterlight “1”, aplicativo de edição já conhecido por muitos (como eu) que adoram tirar várias fotos e depois editar do próprio jeitinho. Se você já usa o primeiro Afterlight, o Enlight ou o Halide, com certeza deve dar uma checada na nova versão do editor.

A primeira mudança é perceptível no layout do aplicativo. Ele está bem mais limpo, organizado, e também mais escuro. A grade das imagens agora ocupa toda a página principal, facilitando ainda mais de você procurar por suas fotos antigas. A nova versão também apresenta no fim da página, o número de fotografias que você tem no aparelho uma vez escolhida a imagem. Uma vez selecionada, a imagem agora o centro e uma uma barra de ferramentas incrível aparece; Mais completa, diversificada e prática do que na versão anterior do aplicativo, o foco do Afterlight 2 é claramente facilitar o uso das opções.

Foto: Reprodução

A nova toolbar principal segue a mesma linha do Afterlight 1; Crop & Rotate, Adjustments, Filters, Art, e Double Exposure. A diferença está mesmo quando se escolhe uma das categorias. A categoria Adjustments agora é bem mais completa e direcionada. Invés de mostrar somente um icon, cada um deles informa oque ele realmente faz; Uma forma de poupar tempo e explorar as diversas opções. Separadas em três partes, basta o deslize do dedo para poder encontrá-las.

Foto: Reprodução

A categoria Filters também está bem diferente da sua versão anterior; Dessa vez há somente uma categoria de filtros – Original – enquanto no Afterlight 1, tínhamos Guest, Seasons, e o pacote Wander de 15 novos filtros e 12 texturas, que poderia ser adquirido por $0,99. A grande novidade é a coleção de filtros que são enviadas por outros fotógrafos do aplicativo. Para saber quais estão disponíveis para download, basta ir na categoria Collection, e depois clicar em browse. Cinco coleções incríveis de filtros inteiramente free estão disponíveis. Uma dos novos features que eu mais gostei foi o Color Overlay, que apresenta uma paleta de cores que você aplicar na sua foto, criando efeitos bem diferenciados e legais, especialmente em paisagens.

Foto: Reprodução

Em Art, teve mais algumas mudanças bem legais; Agora você pode adicionar textos, mudá-los da maneira que você quiser, mudando a cor, opacidade e fonte. Adicionar quotes fofos, stickers de bichinhos e figuras geometricas e botanicals, figurinhas de flores e arcos. A última categoria Double Exposure, presente também na primeira versão do aplicativo continua a mesma. Para quem não sabe do que se trata, a ferramenta permite a mistura de duas fotos juntas, e você pode ajustar as opções de opacidade e mistura para criar um efeito mais sutil e bacaninha se desejar.

Meu veredito? Sim, vale a pena testar o Afterlight 2, especialmente se você já gosta do Afterlight 1; O aplicativo se mostrou um bom sucessor do primeiro, é prático, clean, de fácil manuseio, e trouxe novidades que com certeza são uma melhoria comparado ao primeiro. O ruim do aplicativo? O fato de ser pago. Assim como o Afterlight 1 era pago no sistema iOS, o seu sucessor também seguiu o mesmo caminho, e pode ser adquirido no valor de $2,99 na Apple Store. A boa novidade é que pra quem não sabe, o Afterlight 1 agora se encontra de graça na loja, e pode ser uma boa alternativa pra quem quer editar suas fotografias e não quer gastar na compra desse tipo de aplicativo.

Por hoje foi isso galera!

beijão, Pedro.

Tags
Equipe

Postado por

Equipe

Somos mais que uma equipe, somos amigas bem diferentes entre si. Mas estamos sempre conectadas tentando trazer abordagens bacanas, pensantes e diferentes para vocês.